Flamengo
Página Inicial
História do Flamengo
Craques
Notícias Flamengo
Grandes elencos
Jogos imortais
Sala de Troféus
Vídeos do Flamengo
Títulos do Flamengo
Estatísticas
Crônicas
Cronologia
Curiosidades
Escudos
Uniformes
Donwloads
Hino do Flamengo
Mascote
Sedes
Letras de músicas
Frases famosas
Links
Mural da torcida
E-mail

 

Justiça acata pedido do Flamengo e manda São Paulo devolver a Taça das Bolinhas

 

O Flamengo conquistou mais um triunfo sobre o São Paulo nesta terça-feira (04 de setembro). A interminável novela sobre a posse da Taça das Bolinhas ganhou novo capítulo favorável ao Rubro-Negro da Gávea.

De acordo com a decisão da Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, o São Paulo terá de devolver o troféu aos cofres da Caixa Econômica Federal. O Tricolor Paulista será informado nos próximos dias sobre a decisão, que em segundo grau deixa o clube sem a possibilidade de suspensão. O São Paulo só poderia recorrer ao Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Em nota oficial, a presidente do Flamengo Patrícia Amorim, comemorou a confirmação da vitória administrativa alcançada na CBF.

"O Flamengo é incansável nesta busca. Todo o departamento jurídico está de parabéns por mais essa vitória. Disse que não iríamos descansar e não vamos enquanto a taça não vier para a Gávea. Tivemos uma vitória administrativa na CBF e, hoje, ela foi confirmada pelo poder judiciário do Estado do Rio de Janeiro. Vamos em frente, buscar o que é legítimo", afirmou a mandatária.

Rafael de Piro, procurador geral do clube Rubro-Negro, vibrou com a decisão. O dirigente acredita que a Taça das Bolinhas estará na sala de troféus da Gávea brevemente.

“É definitivo. Um eventual recurso do São Paulo não tem mais efeito suspensivo. A Taça das Bolinhas volta para a Caixa Econômica Federal e a decisão fica por conta da CBF, que já reconheceu a conquista apesar de ter voltado atrás em razão de uma alteração. A FIFA passou a situação para a entidade e esperamos o troféu brevemente na Gávea. Fizemos um trabalho interno excelente e vitorioso no caso”, comentou.

Já Kalil Rocha Abdalla, diretor jurídico do São Paulo, garantiu que o clube lutará até o fim pela posse definitiva da Taça das Bolinhas.

“Se a decisão foi ratificada hoje ainda vai demorar uns três dias para que o São Paulo seja informado. Entendemos que a Taça das Bolinhas é direito nosso e vamos brigar até o fim. Mas aguardamos a decisão para falar sobre o caso”, disse.

A novela envolvendo a Taça das Bolinhas começou em razão da indefinição sobre o campeão brasileiro de 1987. O troféu seria entregue ao vencedor por três edições consecutivas ou cinco alternadas. O Flamengo foi campeão do módulo verde da Copa União. O Sport venceu o módulo amarelo e o regulamento previa um quadrangular entre os dois primeiros colocados de cada torneio. Flamengo e Inter se recusaram a disputar com Sport e Guarani. A CBF considerou o Sport campeão naquele ano.

Em fevereiro deste ano, o São Paulo, campeão brasileiro (1977, 1986, 1991, 2006, 2007 e 2008), recebeu da Caixa Econômica Federal a Taça de Bolinhas. Pouco depois, a CBF reconheceu o Flamengo como legítimo campeão brasileiro de 1987, ao lado do Sport. O clube conseguiu que a decisão fosse revogada. Flamengo e Sport foram à FIFA, que deixou a decisão final a cargo da CBF.


Última atualização: 27/09/13. Política de privacidade  |  Mapa do Site