Flamengo
Página Inicial
História do Flamengo
Craques
Notícias Flamengo
Grandes elencos
Jogos imortais
Sala de Troféus
Vídeos do Flamengo
Títulos do Flamengo
Estatísticas
Crônicas
Cronologia
Curiosidades
Escudos
Uniformes
Donwloads
Hino do Flamengo
Mascote
Sedes
Letras de músicas
Frases famosas
Links
Mural da torcida
E-mail

 

Flamengo 6x0 Botafogo - Campeonato Carioca de 1981

 

Gol do Flamengo no Jogo

Gol do Flamengo no Jogo

História

Placar do histórico confronto

Placar do histórico confronto

A vingança da goleada de 6x0 imposta pelo Botafogo sobre o Flamengo viria nove anos depois. Com uma ironia a mais: do lado de lá, estava Jairzinho, um dos responsáveis pela humilhação de 1972, no dia do aniversário do Flamengo.

O Jogo

Andrade comemora o sexto gol rubro-negro. Foto: Placar

Andrade comemora o sexto gol rubro-negro. Foto: Placar

Foto: www.colecaofla.com

Foto: www.colecaofla.com

Nem bem o Flamengo fez 1x0, logo aos 6 minutos, e os rubro-negros explodiram em coro: "Queremos seis, queremos seis, queremos seis!" A resposta veio na mesma hora: "6x0, 6x0, 6x0", eram os botafoguenses relembrando a goleada de 1972. Naquele instante, os jogadores também sentiram no ar: "Esta não será uma partida comum." O ponta Tita chegou a se assustar. Ele, aos 13 anos, era o único jogador do Flamengo que estava presente no Maracanã naquele trágico 15 de novembro: "Eu tinha perdido a preliminar do dente-de-leite para o Botafogo por 1x0. Fiquei para assistir os profissionais e, a cada gol que levávamos, pensava: será que um dia eu desconto isso?"

Só dá Flamengo - dois, três, quatro gols. Adílio, Júnior fazem o que bem entendem. O goleiro Paulo Sérgio grita. Mas todos de camisa preta e branca parecem sonâmbulos.

Em campo, Adílio sofre pênalti. Zico vai bater - e olha para a imensa mancha preta e vermelha que cobre a arquibancada. Ele escapou por pouco daqueles 6x0 de 1972 - estava concentrado, mas acabou cortado pelo então técnico Zagallo: "Vai pra casa, Zico, que hoje não precisamos de você." Durante o jogo, o grito de Júnior parece sem sentido: "Corram, corram!".

Todos estavam correndo, mas Júnior queria mais. Afinal, ele estava completando exatas 500 partidas com a camisa do Flamengo. Faltam cinco minutos. Muitos riem com os 5x0. Mas o grosso da galera exige mais um gol. A bola rebatida sobra para Andrade, que dispara um foguete. É o sexto.

Jairzinho, que entrou no Botafogo no segundo tempo esperando virar os 4x0, levanta os braços em desespero: "Não pode ser, é muita crueldade", lamenta-se o único sobrevivente daqueles 6x0 para o Botafogo, que ele ajudou a construir marcando três - um deles de letra.

A torcida do Flamengo agora podia respirar aliviada. O troco fora dado.

Vídeo

Ficha Técnica

08/11/1981 - Maracanã - Rio
Flamengo 6 x 0 Botafogo

Juiz: Édson Alcântara do Amorim (MG)
Renda: Cr$ 15.031.600
Público: 69.051

Gols: Nunes 7, Zico 27, Lico 33 e Adílio 40 do 1o. Zico (pênalti) 30 e Andrade 42 do 2o;
Cartões Amarelos: Júnior e Perivaldo

Flamengo: Raul, Leandro, Figueiredo, Mozer e Júnior; Andrade, Adílio e Zico; Tita, Nunes e Lico. Técnico: Paulo César Carpegiani

Botafogo: Paulo Sérgio, Perivaldo, Gaúcho, Osvaldo e Jorge Luiz; Rocha, Mendonça e Ademir Lobo; Édson (Jairzinho), Mirandinha e Ziza. Técnico: Paulinho de Almeida.


Última atualização: 27/09/13. Política de privacidade  |  Mapa do Site